« Fear | Main | Skin deep »

November 13, 2009

Comments

Sonia M.

I completely understand. From a "carioca da gema" in the U.S. for the last 15 years. :)

Edu

A verdade é que é muito gostoso acompanhar sua vida aí tanto quanto o foi por aqui. E suas emoções em ambos os casos. O importante é estarem juntos e felizes, não ligue para os mega-nacionalistas! ;-)

Mike

Hi Rachel

A similar post here:

http://www.gringoes.com/forum/forum_posts.asp?TID=7866

karine

I love your blog :)

Simone

Ter saudades é tudo de bom. A palavra saudade, dizem, só existe na língua portuguesa. Isso diz muito sobre nosso país e cultura. E olha que nós temos uma palavra para melancolia.

Entendo muito bem o que você diz sobre o não querer voltar mas sentir saudades de coisas, de lembranças. São coisas assim tão pequenas, tão aparentemente sem valor, que dão saudades na gente!

Não se sinta mal por não sentir falta do Brasil. É normal. Em um país tão cheio de injustiças e criminalidade, é fácil não querer voltar a viver lá.

Ahhh, e pra terminar, você é carioca sim, e brasileira também! O de ser do Brasil está no coração mais do que no sangue. Acredite. Mesmo que alguns invejosos desavisados, digam o contrário. Isso só se consegue no Brasil, que eu saiba.

E o de não querer morar na cidade que se ama, é coisa de "paulista" também. rsrs


Melo Franco

É natural que seja assim. Mas eu não ficaria fora por mais de 3 anos seguidos por (quase... $ lol) nada. Vocês, norte-americanos, já testemunharam a alquimia maravilhosa que foi a ascensão do seu país: Franklin, Jefferson, Lincoln etc. Provavelmente não veremos algo tão grande assim no Brasil, mas quero estar aqui e ver o Brasil se transformar para melhor. Sabemos que isso já está acontecendo: quem é sensível já percebeu. Será uma ótima história para contar para os meus netos, onde quer que eles nasçam.

PS: Seu português rox!

Regina

"O de ser do Brasil está no coração mais do que no sangue. Acredite. Mesmo que alguns invejosos desavisados, digam o contrário. Isso só se consegue no Brasil, que eu saiba".

Nao isso nao e so no Brasil,e nos estados unidos tambem e otros paises onde a grande imigracao, canada, australia, etc.

Tereza (Bruxelas)

Eu nao sou do Rio, mas também nao sinto muita saudade do Brasil, não. Hummm, sim, sinto falta do sol, mas nem isso é tudo pra mim. Sinto falta da minha família, mas quando vejo as injustiças no Brasil, fico feliz por estar fora de lá.

Jeanne

Engraçado você falar disso, pois muitas vezes comento com o Pedro que sinto saudade de como éramos no Brasil,ou seja, sinto saudade de nós mesmos. Durante meus primeiros meses aqui, me vinham flashs de esquinas, ou de lugares bem específicos de São Paulo, tipo um cruzamento de rua, ou um canto de uma cafeteria, ou uma mesa de um restaurante.
Felizmente os flashs passaram, pois eles me angustiavam muito.

Monika

Pois bem, eu sou carioca, e moro em New York ha 10 anos... e nao tem um dia sequer de minha vida, que eu nao sonhe em voltar...
Eu vou ao Brasil todos os anos de ferias, e nao tem como, estar passenado na Lagoa Rodrigues de Freitas, ou na pista Claudio Coutinho, no Pao de Acucar, e me perguntar, O que estou fazendo naquele pais frio, de gente fria e deixando pra tras essa cidade linda...
Pq o verdadeiro carioca, apesar de todos os problemas de violencia do Rio de Janeiro, ele bem sabe, que nao existe outro lugar no mundo, que o faca feliz...

The comments to this entry are closed.